Polícia Federal (cargo administrativo): conheça todos os requisitos necessários

polícia-federal-cargo-administrativo-conheça-todos-os-requisitos-necessários

A Polícia Federal (PF) é uma instituição brasileira de grande prestígio, conhecida por sua excelência e rigor no cumprimento de suas funções. Para quem deseja fazer parte da entidade, especificamente em um cargo administrativo, é fundamental estar ciente dos requisitos e responsabilidades envolvidos no processo de admissão. 

Se você quer ser aprovado, continue a leitura, para saber o que é necessário para ingressar e prosperar em um cargo administrativo da Polícia Federal. Vamos nessa!

polícia-federal-cargo-administrativo-conheça-todos-os-requisitos-necessários
Saiba mais sobre o cargo administrativo da Polícia Federal. Foto: Freepik.

Requisitos necessários para ocupar um cargo administrativo na polícia federal

É comum ter dúvidas sobre o que é necessário para ocupar o cargo administrativo da PF, que é um dos mais concorridos da instituição. A boa notícia é que não há muitas exigências, pois o cargo tem a maior parte das vagas destinadas ao nível médio. 

Então, confira quais são os requisitos exigidos para ocupar o cargo: 

  • Ter concluído o ensino o médio, sendo válidos diferentes tipos de modalidade, como ensino técnico, Encceja (Exame Nacional para a Certificação de Competências de Jovens e Adultos) e Eja (Educação para Jovens e Adultos), desde que possua certificado concedido por uma instituição reconhecida pelo MEC (Ministério da Educação); 
  • Ter idade mínima de 18 anos completos (considerando o dia da posse); 
  • Estar em dia com as obrigações militares, no caso de candidatos do sexo masculino;
  • Estar em dia com as obrigações eleitorais e direitos políticos; 
  • Não ter antecedentes criminais ou estar respondendo por um processo criminal; 
  • Ter nacionalidade brasileira ou portuguesa (neste caso, é necessário que o candidato esteja amparado pelo estatuto de igualdade); 
  • Ser devidamente aprovado no concurso público. 

Vale lembrar que a maior parte dos cargos exigem apenas nível médio, mas o concurso também oferece vagas para nível superior. 

Para o nível superior, é necessário que o candidato tenha o certificado da graduação, emitido por uma instituição reconhecida pelo MEC. O curso de formação exigido pode variar, uma vez que os cargos administrativos da PF oferecem vagas para as seguintes funções: 

  • Administrador; 
  • Arquivista; 
  • Assistente social; 
  • Bibliotecário; 
  • Contador; 
  • Economista; 
  • Enfermeiro; 
  • Estatístico; 
  • Farmacêutico; 
  • Médico; 
  • Nutricionista; 
  • Psicólogo; 
  • Técnico em assuntos educacionais; 
  • Técnico em comunicação social. 

Como ingressar em um cargo administrativo da polícia federal?

O concurso envolve apenas uma prova objetiva, que testa conhecimentos básicos e conhecimentos específicos. Ao todo, são 120 questões, sendo 50 de conhecimentos básicos e 70 de conhecimentos específicos. 

Confira quais assuntos são cobrados em cada área: 

Conhecimentos básicos 

  • Português; 
  • Noções de Informática; 
  • Raciocínio Lógico; 
  • Atualidades; 
  • Noções de Direito Administrativo; 
  • Noções de Direito Constitucional. 

Conhecimentos específicos 

  • Noções de Administração Pública; 
  • Noções de Administração Financeira e Orçamentária; 
  • Noções de Gestão de Pessoas nas Organizações; 
  • Noções de Arquivologia; 
  • Noções de Administração de Recursos Materiais; 
  • Legislação Aplicada à Polícia Federal. 

Responsabilidades de quem ocupa um cargo administrativo da polícia federal

As responsabilidades de quem ocupa um cargo administrativo na Polícia Federal do Brasil são diversificadas e dependem da área de atuação, principalmente considerando as vagas de ensino superior. 

No entanto, como o próprio nome já diz, os cargos administrativos estão envolvidos com as atividades administrativas e logísticas da instituição.

Entre as principais funções dos cargos administrativos da PF estão: 

  • Atendimento ao público por meio do fornecimento de informações e orientações necessárias; 
  • Auxílio na execução de atividades de gestão;
  • Realização de atividades de protocolo e arquivo, como organizar e atualizar documentações; 
  • Auxílio na gestão de recursos materiais e patrimoniais da instituição; 
  • Realização de atividades de suporte administrativo nas operações da Polícia Federal, como escrita de relatórios; 
  • Suporte na área de segurança, como controle e entrada de saídas de materiais do local. 
imagem-ilustrativa-agente-da-Policia-Federal
Conheça os benefícios de ocupar um cargo administrativo na PF. Foto: Freepik.

Benefícios de ocupar um cargo administrativo da polícia federal

A remuneração é um dos principais pontos positivos do cargo administrativo da PF, isso porque ela é bastante acima da média, por se tratar de vagas que exigem apenas ensino médio. 

Inicialmente, os ganhos para as vagas de ensino médio ficam em R$ 6.173,31. No caso dos cargos de nível superior, o valor começa em R$ 9.547,40, com exceção da área médica. 

Quantos aos benefícios, sabemos que R$ 1 mil é destinado ao vale-alimentação, que já está incluído nos valores citados acima.

Para saber mais, confira o meu vídeo sobre a remuneração para PRF e PF:

A jornada para se tornar um profissional administrativo na PF

A jornada para se tornar parte do quadro administrativo da Polícia Federal é marcada pela dedicação e compromisso com a excelência. O concurso público é apenas o início, pois uma vez dentro da instituição, o crescimento e a aprendizagem são contínuos.

Preparação para o concurso

A preparação para o concurso público é uma etapa crucial. Candidatos bem-sucedidos geralmente seguem um plano de estudos rigoroso, participam de cursos preparatórios e realizam simulados para se familiarizar com o formato das provas. Além disso, cuidar da saúde física e mental é essencial para manter o equilíbrio durante este período desafiador.

O ambiente de trabalho

Uma vez aprovado, o ambiente de trabalho na PF é caracterizado por um alto nível de profissionalismo e colaboração. Os funcionários administrativos desempenham um papel vital no suporte às operações da PF, garantindo que os processos internos funcionem de maneira eficiente e eficaz.

O impacto social

Trabalhar na Polícia Federal vai além do cumprimento de tarefas administrativas; é contribuir para uma causa maior. Os profissionais da PF têm a oportunidade de impactar positivamente a segurança nacional e a justiça, elementos fundamentais para a manutenção da ordem e da democracia no Brasil.

Dicas para candidatos

Para aqueles que estão considerando essa carreira, aqui vão algumas dicas:

  • Mantenha-se informado: Acompanhe os sites de notícias e o portal oficial da PF para atualizações sobre concursos.
  • Rede de contatos: Conecte-se com atuais funcionários da PF e participe de grupos de discussão para obter insights valiosos.
  • Experiência prática: Se possível, busque estágios ou voluntariado em áreas relacionadas para ganhar experiência prática.
  • Resiliência: Prepare-se para a possibilidade de não passar no primeiro concurso. A resiliência é uma qualidade importante para quem busca uma carreira na PF.

Se você gosta de conteúdos como esse e tem interesse pela carreira policial ou algum cargo administrativo próximo, você precisa conhecer o ebook do Visão e Foco, que oferece as melhores estratégias para passar nos cursos e ingressar na carreira. Não perca tempo e acompanhe já!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *